quinta-feira, 12 de julho de 2018

Andarilho morto no Belo Horizonte em Mossoró era foragido da Justiça Paraibana

ImagemO andarilho, assassinado com vários tiros de pistola ponto 40, na noite de 25 de junho deste ano, na Rua João Damásio no bairro Belo Horizonte em Mossoró RN, foi identificado no Instituto Técnico e Científico de Perícia (ITEP).
Trata-se de Edilson Oliveira De Sousa, o Edilson Tatuagem, de 58 anos de idade, natural de Pombal no Estado da Paraíba e era procurado pela Polícia daquele estado. O mesmo tinha mandado de prisão em aberto na comarca da cidade de origem, por roubo majorado, cujo mandado tem validade até 2036.
Com ajuda do fotógrafo forense e blogueiro Marcelino Neto que manteve contato com um blogueiro de Pombal, foi possível identificá-lo e localizar sua família que compareceu ao ITEP em Mossoró onde reconheceu o corpo e com a documentação foi possível a liberação do cadáver, após 15 dias na geladeira do órgão.
Edilson Tatuagem foi morto com vários tiros, quando trafegava a pé pela Rua João Damásio no Bairro Belo Horizonte. No local ninguém deu informações pra polícia sobre o ocorrido.
Texto: Fim da Linha

Nenhum comentário:

Postar um comentário